O Tren Maya é um ambicioso projeto de turismo e infraestrutura no México, que visa conectar as principais atrações culturais e naturais da região maia, de Chiapas a Yucatan.

Esse trem, que percorrerá mais de 1.500 quilômetros, é muito mais do que apenas um meio de transporte. É uma oportunidade única de descobrir a rica história e cultura maias, bem como de admirar a beleza natural da selva maia, as praias de areia branca e os cenotes cristalinos.

Ao longo do caminho, você poderá visitar sítios arqueológicos como Palenque, Calakmul, Uxmal e Chichen Itza, além de desfrutar de atividades ao ar livre, como mergulho com snorkel, mergulho e observação de pássaros. Além disso, o trem terá estações ecológicas e sustentáveis, que respeitarão o ambiente natural e oferecerão serviços de qualidade aos visitantes.

Baixar mapa em PDF 596KB. 99 Downloads.

Site oficial: trenmaya.gob.mx

Seções do trem maia.

Seção 1: Palenque – Escárcega

A seção 1 do Trem Maia conecta as cidades de Palenque, Boca del Cerro, Tenosique, El Triunfo, Candelaria e Escárcega, cobrindo uma distância de aproximadamente 226 quilômetros através da selva Lacandon e da Reserva da Biosfera Calakmul. Essa seção é especialmente interessante por sua rica biodiversidade e pelo grande valor arqueológico das áreas maias pelas quais passa.

Estações:

  • Palenque: essa cidade é conhecida mundialmente por seu impressionante sítio arqueológico, um Patrimônio Mundial da UNESCO. Os viajantes podem explorar as ruínas maias e apreciar a beleza natural dos arredores, como as cachoeiras Misol-Ha e Agua Azul.
  • Boca del Cerro: essa pequena comunidade é o ponto de partida para visitar a Reserva da Biosfera Montes Azules, onde é possível observar uma grande variedade de flora e fauna endêmicas.
  • Tenosique: Localizada na fronteira com a Guatemala, essa cidade tem uma rica história e cultura, com sítios arqueológicos como Moral-Reforma e Pomoná. Ela também oferece atividades ao ar livre, como observação de pássaros e rafting no Rio Usumacinta.
  • El Triunfo: essa pequena comunidade é conhecida por sua proximidade com o Parque Nacional Calakmul, uma das maiores reservas naturais do México e lar de várias espécies ameaçadas de extinção.
  • Candelaria: localizada no coração da selva de Lacandon, essa cidade oferece uma grande variedade de atividades ao ar livre, como observação de pássaros, exploração de cavernas e visitas a comunidades indígenas.
  • Escarcega: Essa cidade é um importante centro de transporte e comércio no estado de Campeche. Os viajantes podem visitar a zona arqueológica de Edzná, localizada a apenas 60 quilômetros de distância.

Data de abertura: 31 de dezembro de 2023.

Seção 2: Escárcega – Calkini

A seção 2 do Trem Maia conecta Escárcega a Campeche, passando por Carrillo Puerto, Edzná, Hecelchakán e Calkini. Essa seção oferece uma variedade de atrações turísticas, de sítios arqueológicos a cidades coloniais.

Estações:

  • Escarcega. Essa cidade é conhecida como a “Capital Florestal do México” e é o ponto de partida da seção 2 do Trem Maia. Os visitantes podem aproveitar a Reserva da Biosfera Calakmul e o Parque Nacional Los Petenes.
  • Carrillo Puerto-Champoton. Dentro do município de Champotón. Essa estação oferece oportunidades para caminhadas e outras atividades.
  • Edzná. Essa antiga cidade maia é conhecida por suas impressionantes pirâmides e palácios. Os visitantes podem explorar o Templo dos Cinco Andares e o Templo da Estela, entre outros.
  • San Francisco de Campeche. Essa cidade colonial murada é uma parada obrigatória no Tren Maya. Os pontos de interesse incluem a Fortaleza de San Miguel, o Malecon de Campeche e o Centro Histórico.
  • Tenabo. Essa pequena cidade é conhecida por sua deliciosa comida e rica cultura. Os visitantes podem visitar o Templo de San Francisco de Asis e o Mercado Municipal.
  • Hecelchakan. Essa cidade possui uma bela arquitetura colonial e uma rica história. Os pontos de interesse incluem a Igreja de San José e o Parque Principal.
  • Calkini. Essa cidade é conhecida por seu artesanato e comida deliciosa. Os visitantes podem visitar a Igreja de San Luis Obispo e o Mercado Municipal.

Data de abertura: 15 de dezembro de 2023.

Seção 3: Calkini – Izamal

A seção 3 do Tren Maya tem 159 quilômetros de extensão e atravessa os estados de Campeche e Yucatán, conectando as cidades de Calkini, Maxcanu, Uman, Teya (Mérida), Tixkokob e Izamal. Esse trecho oferece uma oportunidade única de explorar a rica cultura maia, a história colonial e a beleza natural da Península de Yucatán.

Estações

  • Calkini: uma charmosa cidade colonial, onde você pode visitar a Igreja de San Luis Obispo, construída no século XVI, e o Mercado Municipal, onde é possível encontrar produtos locais e artesanato.
  • Maxcanú: conhecida por sua produção de pimentas habanero e mel, oferece uma experiência gastronômica única. Não perca a oportunidade de visitar a Hacienda Yaxcopoil, um exemplo bem preservado da arquitetura das fazendas de Yucatecan.
  • Umán: uma cidade em constante crescimento com uma mistura de arquitetura colonial e moderna. A Igreja de São Francisco e o Parque Principal são atrações turísticas. Umán também é conhecida por suas oficinas de redes, onde você pode ver e comprar redes feitas à mão.
  • Teya Mérida: uma pequena cidade nos arredores de Mérida, a capital de Yucatán. A Hacienda Teya é um lugar popular para se visitar, com seu belo jardim e excelente comida yucateca. É a porta de entrada para Mérida, uma cidade vibrante, cheia de história e cultura. As atrações turísticas incluem a Catedral de San Ildefonso, o Palácio do Governo, o Paseo de Montejo e o Mercado Lucas de Galvez.
  • Tixkokob: famosa por sua produção de redes de pesca e guayaberas, uma camisa tradicional de Yucatán. A Igreja de San Antonio de Padua e o Mercado Municipal são locais de interesse turístico.
  • Izamal: Conhecida como a “Cidade Amarela” por seus edifícios pintados de amarelo, Izamal é uma cidade colonial cheia de charme. Não perca a oportunidade de visitar o Convento de San Antonio de Padua, construído no século XVI, e subir até o topo do Kinich Kakmó, um antigo templo maia.

A Seção 3 do Trem Maia oferece uma experiência única para aqueles que desejam explorar a rica cultura e história da Península de Yucatán. Da arquitetura colonial à comida e às tradições locais, essa seção é imperdível para quem viaja para a região.

Data de inauguração: 15 de dezembro de 2023.

Seção 4: Izamal – Cancun

A seção 4 do Trem Maia conecta as cidades de Izamal, Chichen Itza, Valladolid, Nuevo Xcan, Leona Vicario e, finalmente, Cancun. Essa seção oferece uma grande variedade de atrações turísticas, desde ruínas arqueológicas até cidades coloniais e praias paradisíacas, com uma extensão de aproximadamente 239 quilômetros.

Estações:

  • Izamal: Conhecida como a “Cidade das Colinas Amarelas”, Izamal é uma charmosa cidade colonial com belos conventos e templos maias. As atrações turísticas incluem o Convento de Santo Antônio de Pádua, o Templo de Kinich Kakmó e o Parque Central.
  • Chichen Itza: Uma das sete maravilhas do mundo moderno e Patrimônio Mundial da UNESCO, Chichen Itza é um dos sítios arqueológicos mais impressionantes do México. As atrações turísticas incluem a Pirâmide de Kukulcan, o Templo dos Guerreiros e o Jogo de Bola.
  • Valladolid: Uma cidade colonial fundada em 1543, Valladolid é conhecida por suas belas ruas de paralelepípedos, igrejas encantadoras e cenotes cristalinos. As atrações turísticas incluem o Convento de San Bernardino de Siena, o Cenote Zaci e o Parque Francisco Canton Rosado.
  • Nuevo Xcan: localizada no coração da selva maia, Nuevo Xcan é uma comunidade indígena que oferece uma experiência cultural única. As atrações turísticas incluem a Reserva da Biosfera de Calakmul e o sítio arqueológico de Xcan.
  • Leona Vicario: uma pequena cidade que oferece uma grande variedade de aventuras ao ar livre, como caminhadas, ciclismo e observação de pássaros. As atrações turísticas incluem o Rio Lagartos e o Parque Natural Ria Celestun.
  • Cancún: O aeroporto internacional de Cancún é o segundo maior do México e o mais importante da Península de Yucatán. A partir dele, os turistas podem se conectar a voos para outras partes do México e do mundo.

A seção 4 do Trem Maia oferece uma experiência única que combina história, cultura e natureza, e é uma excelente opção para quem deseja explorar a Península de Yucatán em sua totalidade.

Data de inauguração: 15 de dezembro de 2023.

Seção 5: Cancun – Tulum

A Seção 5 do Trem Maia conecta alguns dos destinos turísticos mais populares da Riviera Maya, incluindo o Aeroporto Internacional de Cancun, Puerto Morelos, Playa del Carmen e Tulum. Essa seção oferece uma variedade de opções turísticas, desde praias de areia branca e águas cristalinas até sítios arqueológicos maias e parques ecológicos.

Estações:

  • Cancun. Essa estação conectará o aeroporto com o restante da Riviera Maya, facilitando o acesso dos turistas aos diferentes destinos da região.
  • Puerto Morelos. Essa estação estará localizada no coração de Puerto Morelos, um vilarejo de pescadores conhecido por suas praias imaculadas e vida marinha. As atrações turísticas incluem o Parque Nacional Arrecifes de Puerto Morelos, o Jardim Botânico Dr. Alfredo Barrera Marín e o Farol Tilted.
  • Playa del Carmen. Essa estação estará localizada no centro de Playa del Carmen, uma cidade turística popular por suas praias, vida noturna e vida marinha. As atrações turísticas incluem a Quinta Avenida, a Praia Mamitas, o Parque Xcaret e o Parque Xel-Ha.
  • Tulum. Essa estação estará localizada perto do sítio arqueológico de Tulum, uma das cidades maias mais bem preservadas de frente para o mar. As atrações turísticas incluem as ruínas de Tulum, praias de areia branca, Akumal e o Parque Nacional de Tulum.

Seção 6: Tulum – Bacalar

A seção 6 do Trem Maia conectará as belas praias de Tulum com a pitoresca cidade de Bacalar, passando pelo Aeroporto de Tulum e pela cidade de Felipe Carrillo Puerto. Essa seção oferecerá aos passageiros a oportunidade de explorar a cultura maia, a beleza natural de tirar o fôlego e as praias de classe mundial.

Estações:

  • Tulum: esse resort está localizado perto das famosas ruínas maias e das belas praias de Tulum. Os turistas podem desfrutar de mergulho com snorkel, mergulho e relaxar nas praias de areia branca.
  • Tulum aeropuerto : Essa estação estará localizada no novo Aeroporto Internacional de Tulum. O aeroporto já é uma importante porta de entrada para o Caribe mexicano.
  • Felipe Carrillo Puerto: essa estação está localizada na cidade de Felipe Carrillo Puerto, a capital do município de mesmo nome. Os turistas podem visitar Coba, o Cenote Azul e o Santuário de Pássaros Payo Obispo.
  • Limones-Chacchoben: Essa estação está localizada perto do sítio arqueológico de Chacchoben, um dos sítios maias mais impressionantes da região. Os turistas também podem visitar o Cenote Milagros e o Cenote Bonita.
  • Bacalar: Essa estação está localizada na cidade de Bacalar, conhecida por seu belo lago de sete cores. Os turistas podem navegar no lago, visitar o Forte de San Felipe e o Canal de los Piratas.

A Seção 6 do Tren Maya oferecerá uma experiência única aos turistas, combinando a cultura maia, a beleza natural e as praias de classe mundial.

Seção 7: Bacalar – Escárcega

Essa seção do Trem Maia conecta alguns dos mais impressionantes sítios arqueológicos e paisagens naturais da região sul de Quintana Roo e Campeche. A rota inclui as estações de Bacalar, Aeroporto de Chetumal, Nicolás Bravo-Kohunlich, Xpujil, Calakmul, Centenario e Escárcega.

  • Bacalar: Esse resort está localizado na cidade de Bacalar, conhecida por seu belo lago de sete cores e pela rica história colonial. Os visitantes podem desfrutar de atividades aquáticas, visitar o Forte de San Felipe ou explorar as ruínas maias próximas.
  • Chetumal aeropuerto: a estação do aeroporto de Chetumal está localizada na capital do estado de Quintana Roo, perto do aeroporto internacional. As atrações turísticas incluem o Museu da Cultura Maia, o Parque das Américas e o Malecon de Chetumal.
  • Nicolas Bravo-Kohunlich: essa estação está localizada na comunidade de Nicolas Bravo, perto do sítio arqueológico de Kohunlich. O sítio maia apresenta estruturas impressionantes e murais bem preservados, cercados por uma floresta tropical.
  • Xpujil: a estação de Xpujil está localizada na cidade de mesmo nome, perto de vários sítios arqueológicos maias, incluindo Calakmul, Becán e Chicanná. Os visitantes podem explorar as ruínas e apreciar a beleza natural da floresta tropical.
  • Calakmul: essa estação está localizada no coração da Reserva da Biosfera de Calakmul, perto do sítio arqueológico de mesmo nome. Calakmul é um dos maiores e mais bem preservados sítios maias, cercado por floresta tropical e uma grande diversidade de vida selvagem.
  • Centenario: a estação Centenario está localizada na cidade de Campeche, perto do centro histórico e do porto. As atrações turísticas incluem a Fortaleza de San Miguel, o Templo de San Francisco e o Malecon de Campeche.
  • Escarcega: a estação final desse trecho fica na cidade de Escarcega, no estado de Campeche. Os visitantes podem saborear a comida local, visitar o Museu da Cidade ou explorar as ruínas maias de Edzná, nas proximidades.

Mapa dos sítios arqueológicos acessíveis pelo Trem Maia.

Faça o download do mapa em PDF 735KB. 40 Downloads.

Sítios arqueológicos ao longo da rota do Trem Maia

A rota do Trem Maia oferece uma oportunidade sem precedentes de explorar os sítios arqueológicos mais fascinantes da civilização maia, que floresceu na Península de Yucatán e em grande parte dos estados de Chiapas, Tabasco, Campeche e Quintana Roo, no México.

Aqui está uma lista de alguns dos sítios arqueológicos mais populares e interessantes para visitar ao longo da rota do Trem Maia:

  1. Palenque
  2. Tenosique
  3. Balancán
  4. Candelária
  5. Calakmul
  6. Escárcega
  7. Champotón
  8. Campeche
  9. Edzná
  10. Uxmal
  11. Kabah
  12. Labná
  13. Oxkintok
  14. Chichen Itza
  15. Ek Balam
  16. Izamal
  17. Mayapán
  18. Dzibilchaltún
  19. Tulum
  20. Coba
  21. Muyil
  22. Kohunlich

Cada um desses sítios arqueológicos oferece uma experiência única e fascinante, e o trem maia facilitará o acesso a eles, permitindo que os visitantes mergulhem na rica história e cultura maia como nunca antes.

Excelente guia para o Trem Maia (PDF)

Prévia do vídeo

Com este guia, você descobrirá os tesouros que essa região guarda, desde sítios arqueológicos e cidades históricas até vilarejos mágicos, reservas naturais e parques ecológicos. Ele também o aproximará das tradições e dos costumes que hoje são a marca registrada e o emblema do patrimônio de uma nação multicultural.

O guia é dividido por estações, começando em Chiapas e continuando por Tabasco, Campeche, Yucatan e Quintana Roo. Você encontrará descrições, infográficos, mapas, rotas, fotografias e textos que abrirão as portas para uma nova experiência e permitirão que você viva o sudeste mexicano de uma maneira diferente.

Não perca a oportunidade de embarcar no Trem Maia e descobrir uma das culturas mais extraordinárias que já existiram no mundo. Boa viagem!

Guia do Grande Trem Maia (PDF)